Photos

Photographer's Note

No final da Rua da Câmara está a impressionante Igreja de Santo Antônio, também chamada de Igreja Matriz, ou Matriz de Sto Antonio. É considerada uma das mais ricas igrejas do Brasil pela quantidade de detalhes folheados a ouro no seu interior. Fotos do interior são proibidos, mesmo sem flash.
Vejam também o WS !!

A igreja foi construída no local de uma capela erguida por bandeirantes, exploradores e feitores de escravos que se lançavam em território desconhecido e expandindo as fronteiras do Brasil. A pedra fundamental foi lançada em 1710 e em 1752, um recibo foi emitido para Antônio de Caldas para serviços de pintura folheada a ouro. O limiar de pedra-sabão na frente da igreja remonta a 1785.

Há seis altares laterais, além do altar-mor e da capela-mor ou capela principal (capela mor) apresenta escultura de madeira em circulação. O autor das pinturas do teto é desconhecido. O mecanismo órgão foi trazido de Portugal em 1788 e o órgão foi pintado em folha de ouro, dez anos depois.

Números sobre o piso de madeira indicam os túmulos de 116 pessoas - de nobres a escravos - enterrado abaixo.

At the end of Rua da Câmara is the impressive Igreja de Santo Antônio, also called Igreja Matriz, or Mother Church. It is considered one of the richest churches in Brazil in the amount of gold leaf interior details. Photos of the interior are forbidden, even without a flash.

The church was built on the site of a chapel erected by bandeirantes, explorers and slave raiders who pushed into uncharted territory and expanded the borders of Brazil. The foundation was laid in 1710 and in 1752, a receipt was issued to Antônio de Caldas for gold leaf painting services. The soapstone threshold in front of the church dates back to 1785.

There are six side altars besides the main altar and the chancel or major chapel (capela mor) features outstanding wood carving. The author of the ceiling paintings is unknown. The organ mechanism was brought from Portugal in 1788 and the organ was painted in gold leaf ten years later.

Numbers on the wooden floor indicate the tombs of 116 people - from nobles to slaves - buried below.
Please see also the image on WS !!

ikeharel, Miguel82, bona has marked this note useful

Photo Information
Viewed: 668
Points: 8
Discussions
Additional Photos by Ricardo Rodrigues (ricardomattos) Gold Star Critiquer/Gold Note Writer [C: 423 W: 0 N: 462] (4316)
View More Pictures
explore TREKEARTH