Photos

Photographer's Note

Hi my friends, this a very simple photo, but I really like this cajueiro (cashew tree) (Anacardium occidentale). This plant is native from northeast of Brazil. The english name derives from the Portuguese name for the fruit of the cashew tree, cajú, which in turn derives from the indigenous Tupi name, acajú.

The cajú fruit is very sweet and delicious to make juice (very common in Brazil). But the most famous part of the fruit is the cashew nut (or castanha de cajú in portugues). In fact the nut is the real fruit. Besides you can yeat the nut (salt of with suggar) from the nut can be obtained a oil used in both medicine and industry. In Fortaleza a 1 Kg (about 2.2pounds)bag of good quality nut costs 18 reais (36 dolars), very ship if you compare with the ones selled here in Rio de Jaeiro.

From the fruit a non-alcoholic, non-carbonated beverage can be made and is named Cajuína. It is traditional in the northeast region of Brazil, especially in the states of Ceará and Piauí. tThe singer Caetano Veloso wrote a song called cajuína.

"Existirmos: a que será que se destina?
Pois quando tu me deste a rosa pequenina
Vi que és um homem lindo e que se acaso a sina
Do menino infeliz não se nos ilumina
Tampouco turva-se a lágrima nordestina
Apenas a matéria vida era tão fina
E éramos olharmo-nos intacta retina
A cajuína cristalina em Teresina"

--x--

Olá pessoal, aqui uma foto simples, mas que eu realmente gostei desse cajueiro (Anacardium occidentale). Planta nativa do nordeste brasileiro e cujo nome cajú deriva do Tupi acajú.

O cajú muito utilizado por nós para suco tem como parte mais famosa sua castanha (que de fato é o fruto verdadeiro). A castanha pode ser degustada salgada ou caramelizada e ainda dela pode ser extraído óleo essencial para utilização na medicina e indústria. Em Fortaleza um saco de boa qualidade de 1 Kg custa 18 reais, bastante barato se comparar com o preço aqui no Rio.

Do cajú pode ser preparado ainda uma bebida não alcoolica e não gaeseficada chamada Cajúina. Tradicional nos estados do Ceará e Piauí. Caetano Veloso já até escreveu uma música com esse nome:

"Existirmos: a que será que se destina?
Pois quando tu me deste a rosa pequenina
Vi que és um homem lindo e que se acaso a sina
Do menino infeliz não se nos ilumina
Tampouco turva-se a lágrima nordestina
Apenas a matéria vida era tão fina
E éramos olharmo-nos intacta retina
A cajuína cristalina em Teresina"

saxo042, nivaldo, BWJ, wgreis has marked this note useful

Photo Information
Viewed: 4391
Points: 32
Discussions
Additional Photos by Andre Bonavita (bona) Gold Star Critiquer/Gold Star Workshop Editor/Gold Note Writer [C: 1276 W: 116 N: 2520] (12478)
View More Pictures
explore TREKEARTH